Reacção óbvia: James Cameron conseguiu fazer algo realmente inovador em Avatar. Claro que o facto de ser a história de um marine sem mobilidade acaba por ser secundária aos efeitos visuais. O 3D funciona lindamente (talvez num futuro próximo este 3D com focagem algo confusa e pele sem textura pareça antiquado) e é um deleite ver aquele mundo de animais abrir-se. A história consegue ser interessante, mas toda a questão de homens contra uma raça desconhecida já foi discutida, e as ideias (pertinentes) da destruição da natureza por parte das máquinas ou da necessidade da Terra respirar, também não são novas. No entanto, funciona bem e aplaude-se a audácia. A ideia de pôr a guerra final acaba por parecer despachada e desnecessária, e a falta de personagens mais fortes também pode ser um contra. Quanto ao irmão de Jake que morreu? Digo que o nome dele é 'Prequela em 2015'.