De todas as comédias românticas e melosas que se insistem em repetir a si próprias, Love Actually talvez seja das mais interessantes. Centrado na época natalícia, desde um músico envelhecido a sonhar com o sucesso, ao Primeiro-Ministro Inglês, acompanha-se o desenrolar de relações pouco comuns, tendo todas as histórias espaço para se desenvolverem. A banda sonora também é interessante, para oferecer naquelas ocasiões.

Comments (1)

On 1 de junho de 2009 às 00:20 , WALKtheWALK disse...

concordo muito. dos pouquíssimos filmes do género que realmente gostei de ver.