American History X retrata bem o tipo de frustrado ocioso que se acha capaz de mudar um mundo que já existia antes, para impressionar crianças confusas, que nunca se defenderam sozinhos. Edward Norton era um activista do white power, mas depois de passar 3 anos numa prisão, apercebe-se de quem realmente está do lado dele, e deixa de olhar ao tom de pele. A sua nova visão é um choque para o irmão mais novo que o tem como exemplo, a namorada e todos os antigos amigos. Norton retrata bem ambos os lados e o modo de filmar a preto e branco a induzir um maior realismo do que quando usadas as cores é um pormenor interessante, no entanto, o filme parece incompleto, com demasiados episódios a sucederem-se num curto espaço de tempo e um certo exagero nos olhares ao passado.

Comments (1)

On 24 de maio de 2009 às 22:11 , vanessa disse...

é um dos meus filmes preferidos.
é um tema que normalmente ja me irrita mas é dos poucos que consegue retratar a realidade e nao se limita so a falar do racismo.
grande filme!