Pela maneira como começa, Inside: Straight Edge da National Geographic, até é positivo. Obviamente que análises dos media a culturas minoritárias são sempre falsas representações de uma realidade ou então a versão das pessoas com quem se cruzam. A parte mais interessante é quando alguns contam o que os levou a tornarem-se straights. A partir do momento em que deixam Boston e passam as filmagens para Reno e Salt Lake, é como montar uma tenda de circo e deixar os palhaços andarem de um lado para o outro. A mensagem é passada, mas não da melhor forma.

Comments (1)

On 7 de abril de 2009 às 00:12 , vanessa disse...

isto é aquele documentario que deu á tempos certo? ou é algo novo de que nao estou acerca? ;)
se for o que vi á uns tempos,nao gostei nem um pouquinho! acho que dao demasiada atençao á merda da FSU e o que dao a transparecer ás pessoas que nunca ouviram falar disto, é que é um movimento super violento.
anyway opiniao :)*